0

Sempre a pandemia obstrui a maioria das atividades sociais das regiões  no mundo inteiro. Passabém, cidade situada a 54 quilômetros de Itabira, pertencente a esta comarca, com população estimada pelo IBGE em 1.766 habitantes, não foge à regra.

O então distrito, criado no início do século XX, emancipou-se  em 31 de dezembro de 1962. A instalação da cidade ocorreu em 1.º de março do ano seguinte. Mas o fato de ser São José o padroeiro desde a fundação do povoado e 19  de março seja lembrado como do santo, as autoridades optaram por transformar em lei a data que marca o Dia da Cidade.

Sem comemorações cívicas, as quais se realizam normalmente em todos os anos no consagrado feriado municipal, a Paróquia local optou por uma celebração religiosa, que ocorrerá a partir das 16 horas  e se resume em convite distribuído à comunidade.

Algumas construções destoam do conjunto arquitetônico, mas não tiram a beleza da igreja e da praça

Algumas construções destoam do conjunto arquitetônico, mas não tiram a beleza da igreja e da praça

CONVITE

“Comunicamos que a imagem de São José percorrerá a nossa cidade, abençoando a todos às 16 horas do dia 19 de março (nesta sexta-feira).

Pedimos a colaboração para enfeitar a porta de sua residência para louvar e agradecer ao nosso Padroeiro São José.

Sugerimos utilizar: toalhas, vasos, flores, velas, balões, imagem de São José etc.

Segue o trajeto onde a imagem percorrerá:: saída da Igreja Matriz, seguindo a Rua das Palmeiras até a Vila Antônio Bernardino. Descendo a Rua das Palmeiras, seguindo nas ruas Antônio Linhares, Domingos Alves da Costa e Baixada Grande.

Que São José derrame grandes bênçãos sobre seu lar e sua família.

Assinado: Padre Sérgio e Equipe Pastoral de Passabém – MG”.

A Igreja Matriz de São José é dirigida pelo Padre Sérgio e por uma Equipe Paroquial formada na comunidade

A Igreja Matriz de São José é dirigida pelo Padre Sérgio e por uma Equipe Paroquial formada na comunidade

HISTÓRIA

A história de Passabém pode ser encontrada em arquivos da Escola Estadual Luíza dos Santos Ferreira. Os registros mostram o crescimento do arraial  a  partir de 1912, quando o senhor Zeca Alves, um dos fundadores do município, construiu a primeira escola do povoado que tinha o nome de Escola Distrital Mista de Passabém. Em 14 de julho de 1929 recebeu o nome de Escolas Reunidas de Passabém.  Em 1947, com a nomenclatura Grupo Escolar Luíza dos Santos Ferreira permaneceu durante longo tempo.

Desde 1912,  já passaram 24 diretores pelo  educandário, que recebeu o nome de Escola Estadual Luíza dos Santos Ferreira.

A escola tem hino, bandeira e registra outros fatos ocorridos em Passabém.  Os registros são de Leana Bittencourt de Sá.

Desde a fundação do arraial, quando Passabém já tinha uma capela (na foto sem a torre), seu povo é de maioria católica e comemora o dia do Padroeiro com festas e celebrações (missa e procissão).

Passabém tem maioria católica, que comemora o Dia do Padroeiro desde o início do século passado, quando a capela não tinha torre

Passabém tem maioria católica, que comemora o Dia do Padroeiro desde o início do século passado, quando a capela não tinha torre

Com: Myriam Cristina Alves

Fotos: Arquivo Myriam Cristina Alves

MARCO ANTÔNIO TRAZ A ITABIRA “OLHAR DIFERENCIADO” PARA SOMAR NO COMBATE À COVID-19

Matéria Anterior

EDITORIAL: SEJAMOS BALANÇAS REGULADAS

Matéria Seguinte
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Você também pode gostar

Mais em Cidades

Cidades

DOM VIÇOSO VENERADO HÁ QUASE 150 ANOS

Em peregrinação lançada no trajeto Mariana ao Santuário do Caraça, em Mariana, tem como finalidade homenagear o bispo Dom Antônio Ferreira Viçoso, que ...