2

Filho meu,

Um dia, pequenino, ajudei-te a dar teu primeiro passinho para alcançar a liberdade que toda criança deseja quando começa a engatinhar, para depois andar. Outros sonhos vieram e sempre que pude, dentro das limitações de uma mãe que também é humana, ajudei-te a conquistá-los e vibrei com tuas alegrias.

Quando adolescente ainda, sonhaste mais alto, quiseste alcançar outros horizontes, ter asas como um pássaro e conquistar o teu espaço. Dei-te também um empurrãozinho, apoiei-te, apesar das dificuldades que encontrei. E lá se foi o meu filhinho, pedaço de mim, um ser do meu sonho e da minha esperança. Não quis nunca me tornar um empecilho ao teu sucesso, à tua liberdade. Nunca me permiti ser uma mãe possessiva e sempre procurei reconhecer que apesar de tudo, tu não me pertences. Fui apenas um instrumento de Deus para gerar-te. Tu bem sabes que sempre pudeste contar comigo.

Hoje, alcançaste teu próprio universo e não mais precisas de mim. És um homem de bem, aos poucos te realizando e conquistando teus ideais. Como eu me orgulho de ti!

Cresceste, portanto, sob a presença de meu estímulo ansioso, incontido, impelindo-o a dar um salto sempre adiante. Não poderia deter-te para não te tornares cárcere do meu coração. Desafiando tempestades, navegando à deriva, na ânsia sôfrega de aliar-me à tua embarcação, dou-me conta que há muito, desvencilhaste das minhas entranhas como rebento de tua semente. Entendo então, que és capaz de alçar voo sozinho e que nenhum sentimento é maior do que a minha felicidade e a gratidão ao nosso Deus. E nessa alegria buscando a sabedoria divina estampada na bíblia, estendendo serenamente meu tapete no chão, assento-me realizada.

E quando precisares, meu filho, vem aqui e senta-te comigo.

Com carinho,

Tua mãe.

Maria Flor de Maio Ferreira Muzzi

Maria Flor de Maio
Maria Flor de Maio Ferreira Muzzi reside em Caeté-MG. Aposentada como servidor público da Administração Direta do Estado no cargo de Gestor Fazendário. Trabalhou também como professora de Ensino Fundamental em Escolas Estaduais de Caeté. Casada, mãe de três filhos e seis netos; além de escritora, é poetisa.

    NESTE SÁBADO: VACINAÇÃO PARA RODOVIÁRIOS E FERROVIÁRIOS

    Matéria Anterior

    ALVINÓPOLIS LANÇA PROJETO “PARQUE ECOLÓGICO DO CARIMBÓ”

    Matéria Seguinte
    0 0 votes
    Article Rating
    Subscribe
    Notify of
    guest
    2 Comentários
    Oldest
    Newest Most Voted
    Inline Feedbacks
    View all comments
    DANIELA ELOI
    DANIELA ELOI
    6 months ago

    Uma declaração de amor e gratidão!

    NS
    NS(@josesana)
    6 months ago
    Reply to  DANIELA ELOI

    Obrigado pela autora do texto.

    Você também pode gostar

    Mais em Colunas