0

Cada vez mais as empresas estão usando as redes sociais e aplicativos para se comunicarem com seus clientes. Com o objetivo de estabelecer vendas de forma rápida e com baixo custo. Hoje, cerca de 56% dos gastos mundiais com publicidade vão para as redes sociais, sites de busca e de vídeos.

Agora, e os consumidores do futuro, as crianças e adolescentes itabiranos, quais tendências eles nos trazem? O que as empresas regionais precisam descobrir para fazer seu planejamento a longo prazo?

Pensando nisso, o DataMG Centro de Informação e Pesquisas entrevistou 100 crianças e jovens de 8 a 17 anos no último mês de fevereiro, pertencentes à Geração Z e Alpha. Entre várias perguntas, pesquisamos os seus hábitos de uso das redes sociais e aplicativos.

Destaca-se positivamente as redes que privilegiam os vídeos como o Tik Tok(57%) e YouTube(46%), esses lideram a preferência dos jovens. Os conteúdos mais visualizados deste público infanto-juvenil são principalmente vídeos sobre games, futebol e humor.

O destaque negativo é a pequena participação do Facebook na preferência desta geração. A maior rede social do momento atinge apenas 3% dos entrevistados. Sinalizando que em breve deverá perder o posto de mais utilizada e de maior faturamento em publicidade.

Segue o gráfico com o resultado:

NS
José Sana, jornalista, historiador, graduado em Letras, nasceu em São Sebastião do Rio Preto, reside em Itabira desde 1966.

    De Itabira para a Coreia

    Matéria Anterior

    Para quem não dá tanta importância ao papel dos treinadores

    Matéria Seguinte
    0 0 votes
    Article Rating
    Subscribe
    Notify of
    guest
    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments

    Você também pode gostar