0

No próximo domingo (15) a população do bairro Gabiroba recebe a equipe da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (SMELJ) para mais uma edição do programa “Se essa rua fosse minha”. Com uma programação diversificada, além de atividades esportivas, artísticas e de recreação para toda a família, o evento acontece das 9h às 14h, em frente ao Ginásio Poliesportivo.

A iniciativa visa oferecer recreação à população da cidade, difundindo o lazer como vivência lúdica, além de promover o desenvolvimento pessoal, cultural e social para contribuir com uma melhor qualidade de vida.

De acordo com a secretária municipal de Esporte, Lazer e Juventude, Natália Lacerda, a intenção é levar o projeto a vários bairros de Itabira com a participação de toda a comunidade. “Esse projeto foi idealizado na perspectiva de construir propostas junto às comunidades e realizar essas atividades em cada bairro de Itabira. Temos várias outras comunidades que vamos visitar ainda este ano. O movimento irá identificar e dar protagonismo às comunidades em seus diversos talentos, já que as atividades que compõem a programação são realizadas com pessoas da própria comunidade. É interessante que as pessoas de outros bairros visitem o Gabiroba e conheçam o projeto”, diz Natália Lacerda.

Se essa rua fosse minha

O programa foi lançado oficialmente em abril, com a participação de um público estimado em mais de 500 pessoas, no Espaço Multiúso Etelvino Avelar, no bairro Esplanada da Estação. A primeira edição reuniu crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos que buscam qualidade de vida com diversão e entretenimento.

As ações do programa são desenvolvidas em duas modalidades, contando com a participação da comunidade e eventos mensais realizados pela SMELJ, chamados de macro eventos. “Se essa rua fosse minha” é uma releitura das atividades de rua de lazer no município

As atividades disponibilizadas têm caráter lúdico e recreativo. A intenção é realizar o programa em espaços públicos, com acesso livre da população, como praças, ruas, campos de futebol, parques, escolas, dentre outros. Sempre de forma gratuita para todo público, o programa irá capacitar e treinar a comunidade para desenvolver as atividades juntamente com a SMELJ. As ações são planejadas, com organização em três vertentes: treinamento de lideranças, empréstimo de material e fechamento de rua aos domingos.

Veja as atrações desta edição do programa “Se essa rua fosse minha”:

– 9h10 – Abertura com Academia ao Ar Livre;

– 9h50 às 14h – Oficina de slackline;

– 10h às 14h – Início das atividades esportivas e recreativas;

– Torneio de truco;

– Oficina de pintura em tecido;

– Abertura das inscrições para o campeonato de embaixadinhas;

– 10h10 – Apresentação da Marujada;

– 10h40 – Apresentação sanfoneiro;

– 11h30 – Roda de capoeira;

– 12h – Aulão de ritmos (Tik Tok);

– 12h30 – 1ª fase do campeonato de embaixadinha;

– 13h – Atração musical.

NS
José Sana, jornalista, historiador, graduado em Letras, nasceu em São Sebastião do Rio Preto, reside em Itabira desde 1966.

    Mestra Coruja Progressista

    Matéria Anterior

    Prefeitura seleciona organização da sociedade civil para parceria na execução do Vida Ativa

    Matéria Seguinte
    0 0 votes
    Article Rating
    Subscribe
    Notify of
    guest
    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments

    Você também pode gostar

    Mais em Esportes