0

Com o objetivo de compartilhar experiências e conhecimentos sobre o tema, a Prefeitura de Itabira, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), realiza, dos dias 18 a 26 de março,  a Semana da Água. O evento irá promover o diálogo entre especialistas e sociedade em geral sobre o recurso hídrico a partir de diferentes olhares e perspectivas.

A programação se estende para o todo o território de Itabira, com atividades ecológicas nas escolas, unidades de conservação e nos distritos.No dia 19, próximo sábado, por exemplo, será lançado o “Passaporte Turístico do Parque Estadual Mata do Limoeiro e as sete maravilhas do seu entorno”. O evento acontece às 15h na sede do parque, em Ipoema, com a participação do prefeito de Itabira, Marco Antônio Lage

No dia 22 de março, data em que se comemora o Dia Mundial da Água, o auditório da UniFuncesi acolherá o I Seminário das Águas de Itabira. Na oportunidade, haverá palestras com os temas relacionados a abastecimento de água e alternativas necessárias e sustentáveis para a cidade. Além disso, também no dia 22, dentro da programação do seminário, às 10h20, será feito o lançamento do programa “Águas de Itabira”.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente, Denes Lott, a Semana da Água marca o retorno das atividades presenciais de educação ambiental em Itabira. “Água, ar, terra e fogo são os quatro elementos da natureza, a base de tudo. No tocante à água, vale dizer sobre a sua importância e necessidade para a sobrevivência humana. É sabido que o acesso a água está cada vez mais dificultado por razões de ordem técnica, ambiental e econômica. É fundamental as discussões como as propostas no evento para que a preocupação com o meio ambiente se faça efetiva em toda a nossa sociedade”, afirmou o secretário.

Para a diretora-presidente do Saae, Karina Lobo, a comemoração do Dia Mundial da Água tem como propósito chamar a atenção das pessoas quanto à importância de preservar os recursos naturais. “Em Itabira existe uma grande preocupação no desenvolvimento sustentável com os impactos da mineração sobre a água. Promover eventos de conscientização é alertar todos os segmentos da população sobre o tema, principalmente relacionado ao abastecimento do município, que sabemos que hoje é um desafio”, destacou Karina Lobo.

NS
José Sana, jornalista, historiador, graduado em Letras, nasceu em São Sebastião do Rio Preto, reside em Itabira desde 1966.

    Prefeitura assina Termo de Cooperação para implantação de posto de coleta de sangue em Itabira

    Matéria Anterior

    Câmara aprova projeto que incentiva doação de cabelos para mulheres com câncer e alopécia

    Matéria Seguinte
    0 0 votes
    Article Rating
    Subscribe
    Notify of
    guest
    0 Comentários
    Inline Feedbacks
    View all comments

    Você também pode gostar